domingo, 17 de novembro de 2013

Divulgando a Doença Celíaca

Eu sei. Eu sumi. Mas não do mundo sem glúten. 
Estou por aí, fazendo a minha divulgação, testando minhas receitinhas, entre outras coisas.
Bom, mas eu voltei pra contar as novidades pra vocês.
Recentemente participei de duas palestras sobre a Doença Celíaca e o cotidiano do celíaco. Prefiro falar que foi um bate-papo sobre a minha experiência como celíaca.
A primeira foi no Rotary Club de Paracambi/RJ, e a outra para os profissionais da área da saúde da Secretaria de Saúde de Mendes/RJ.
Está sendo ótimo poder divulgar a Doença Celíaca. Quando falamos que muitos não a conhecem, não estamos exagerando. Vejo que ainda temos muito trabalho até podermos ser vistos com naturalidade e não como um extraterrestre; até sentarmos em um restaurante e podermos escolher um prato sem glúten com segurança; até encontrarmos produtos sem glúten em qualquer supermercado, e com preço acessível... 
Mas eu não desisto, deixo a minha marca onde quer que eu vá. Não importa o número de pessoas, eu penso que informar sobre a Doença Celíaca deve fazer parte da vida do celíaco. Até quando a gente não precisar mais de falar sobre ela. Isso é bom pra mim, para os meus amigos celíacos e para muitos que ainda não sabem que são (e também vão ficar perdidos como eu fiquei no início).
Olha aí a divulgação na página do Facebook, Rio Sem Glúten.
Obrigada, Ester, pela força!

Os contemplados do sorteio de cupcakes sem glúten especialmente feitos por mim!

Obrigada por me convidarem e me receberem tão bem na Secretaria de Saúde de Mendes/RJ.


Obrigada pela sua visita!

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Meus cupcakes sem glúten II

E como eu já falei, estou com mania de fazer cupcakes!
Estou apaixonada pelo mundo das forminhas, dos cortadores, dos moldes de silicone. 
É tudo muito fofo, e como eu adoro fofura, estou amando essas novidades.

Fiz para o chá de bebê da minha prima, que por sinal, o bebê já nasceu! Quatro dias depois do chá, ontem, a Lya resolveu que estava na hora. Lindinha demais!!
Seja bem-vinda, Lya!!

A receita da massa é a do Bolo Fofinho, e o recheio foi do Ganache de Chocolate que está no mesmo post.
Fiz duas coberturas, alguns eu cobri com Glacê Real e outros com pasta americana.
Com o glacê real (receita), ele fica bem bonitinho, com as voltinhas definidas (era isso que eu queria), mas ele endurece rápido, e eu prefiro uma cobertura mais cremosa, daquela que lambuza na hora de comer. Vou testar uma que estou "namorando" e posto aqui depois. Com a pasta americana dá pra moldar vários formatos. Eu compro a Massa para flores, da Arcolor. Geralmente compro branca e uso corante em gel da mesma marca para colorir. E aí é só ter criatividade!!

Sainha (wrapper) de bebê com cobertura de glacê

Torre de cupcakes

Mamadeirinhas

Pasta americana já colorida e cortadinha



Bolo Fofinho sem Glúten

Oiiieee!! Voltei!!
Testei várias receitas de bolo sem glúten para fazer meus cupcakes (agora sou uma cup-maníaca), e a que eu mais gostei foi a do bolo de creme de arroz. Essa receita foi passada pra mim por acaso, na sala dos professores, e é a que eu mais faço atualmente, pois ela fica muito leve, fofa, saborosa e não fica seca. 
Aí está ela:

Ingredientes:
4 ovos
200 gramas de margarina
2 xícaras de açúcar (eu uso uma e meia)
1 caixa de creme de arroz (caixa verde da Yoki)
200 ml de leite de coco (uma garrafinha pequena)
1 colher de sopa de fermento em pó

Modo de fazer:
Separe as gemas das claras. Bata as claras em neve e reserve.
Misture as gemas, a margarina e o açúcar e bata com a batedeira até formar um creme fofo e esbranquiçado. É preciso bater bastante.
Acrescente o creme de arroz, o leite de coco e o fermento e bata mais um pouco até formar um creme homogêneo. Por último, acrescente as claras em neve e misture com uma espátula, para que a massa fique aerada.
Leve ao forno para assar em uma assadeira untada. O tempo varia de acordo com a potência do forno. Eu gosto de fazer o teste do palito. Enfiou o palito no bolo e saiu limpinho, eu tiro!

E com essa receita eu faço meus bolos para o lanche, faço os cupcakes e fiz também um bolo de festa recheado para o Chá de Bebê da minha prima e ficou maravilhoso!!
Recheei com ganache de chocolate e cobri com merengue de morango.

Ganache:
Para fazer o ganache, eu derreto 250 gramas de chocolate (uso Harald) em banho-maria e após estar todo derretido, eu acrescento uma caixinha de creme de leite e mexo bem! Depois é só deixar esfriar um pouco e rechear!

Merengue de Morango:
Em uma panela, coloque:
1 xícara e meia de açúcar
1 xícara de água
1 pacotinho de gelatina de morango
Acenda o fogo e mexa até formar uma calda em fio. Deixe esfriar. 
Bata 3 claras em neve e vá adicionando aos poucos a calda. Bata bem com a batedeira até formar uma "nuvem rosa". Saborosíssimo! 
Eu costumo colocar a calda na geladeira pra dar uma engrossada. Um dia eu deixei demais e ela virou uma gelatina, e eu tive que deixar amolecer! Coisas de Malu. Também gosto de deixar na geladeira depois de pronto, para ficar mais firme!

Vale a pena testar!!

Olha o bolinho aí no meio!
Todo mundo amou!





quinta-feira, 18 de julho de 2013

Meus cupcakes sem glúten!

Não é novidade que na cozinha eu sou uma curiosa, né? Aprendi na marra! E continuo aprendendo, cada dia um pouquinho. Tem gente que nasce com esse dom, mas eu tive que praticar muito até conseguir fazer minhas receitas sem glúten. Já ouviram o ditado: "A necessidade faz o sapo pular"? Pois foi assim que aconteceu comigo, portanto, se você está começando a se aventurar na cozinha sem glúten, não desista, com a prática, tudo fica mais fácil. Não deu certo? Tente de novo!
E foi tentando que hoje eu me viro na cozinha com minha dieta.
Agora eu estou tão abusada, que estou até fazendo cupcakes!! Tudo bem, não estão lindos como os da Eliane Beppler (Kuka Cake) ou da Rejane Reis, mas esses foram os primeiros, tá? 
Eu sou brasileira, e vocês verão os próximos!! Hahah!!

Para a massa dos da foto, de chocolate, eu usei a receita do bolo da Rejane, que eu já postei aqui. 
O recheio é de brigadeiro que todo mundo sabe fazer (uma lata de leite condensado, duas colheres de sopa de margarina, quatro colheres de sopa de chocolate em pó). Como achei que ficaria muito pesado, após engrossar no fogo, eu misturei uma lata de creme de leite ao brigadeiro já pronto.
A cobertura é de chantilly, que eu compro da Yoki, que é fácil de fazer, só misturar leite bem gelado e bater na batedeira. Por cima, joguei confeitinhos de coração e pronto!

Esses foram feitos para o Dia das Mães, mas para o aniversário do Juliano, eu fiz também com a massa do Bolo de Fécula de Batata, que é o que eu mais faço, por achar mais fácil (já viram que eu sou bem prática, né?). O negócio é usar a criatividade, e como eu tinha morangos, cortei em cubinhos e deixei cozinhar com um pouco de água, açúcar e um pacotinho de gelatina de morango. Quando já estava grossinho, eu deixei esfriar e recheei os cupcakes. O sabor azedinho do recheio com o doce do bolo e da cobertura de chantilly, deram um toque especial! Pena que não deu tempo de tirar foto!

Lógico que para fazer os cupcakes, é preciso comprar as forminhas de papel e a assadeira de metal ou silicone. Comprei também os biquinhos, mas eles não eram de boa qualidade. Deu pra rechear e cobrir, mas vou procurar alguns mais resistentes. Quem tiver dicas, eu agradeço!

E aqui estão eles! Gostou? Nunca fez? Aventure-se também!! Estou apaixonada!
E é assim que se aprende, colocando a mão na massa!

A massa nas forminhas de papel dentro da assadeira.
Já assados.
Recheando com brigadeiro. 





Já cobertos com chantilly.
Aproveitei o brigadeiro que sobrou e cobri alguns.

Waffle sem glúten

Opa! Estou aqui de novo! Agora em recesso, graças a Deus!
Com a correria não tive tempo de contar pra vocês que ganhei uma máquina de waffle do meu amado marido! Ele adora me dar esses aparelhos que facilitam a vida da gente, e eu adoro ganhar. Já vou fazer uma listinha de desejos...

O waffle fica uma delícia e pra fazer, bastam 5 minutos. 
A receita que eu uso é a do nosso livro, Vida Sem Glúten-(Sobre)Vivendo em Comunidade, que eu tenho muito carinho, por também fazer parte dele. Quem ainda não conhece, vale a pena baixar e ler um pouquinho da história de como vários celíacos foram diagnosticados, já que a Doença Celíaca surge de forma diferente para cada um.
A receita deste waffle está na página 123, e é de Luís Queija.

Ingredientes: 
2ovos 
1 colher (café) de sal 
5 colheres (sopa) de óleo 
1 xícara (chá) de leite 
1 xícara bem generosa (chá) de polvilho azedo 
Bata tudo no liquidificador . 

Depois de bem batido, é só colocar na máquina de waffle e ir controlando a cor que você quer. A minha máquina, apaga a luzinha pra indicar que está pronto, mas eu ainda acho que está muito branco, e deixo até ficar bem douradinho, assim ele fica mais crocante.

E pra complementar, é só colocar mel, nutella, requeijão, patê, ou que você preferir!
A minha máquina é da marca Vicini, foi baratinha, compramos na Casa e Vídeo. 
Encontrei igualzinha e por um precinho bom aqui.

Ótima dica para o lanche!! Eu amo!!


sexta-feira, 21 de junho de 2013

Pavê de morango e chocolate com biscoito champagne sem glúten

Dessa vez eu me superei!
Estou até me sentindo A CHEF! 
Tudo bem, podem rir. Os mais íntimos sabem que esta semana eu tentei fazer um ensopadinho que foi quase impossível comer, e o arroz ficou parecido com um grude. Não era o meu dia. Quebrei a tampa de vidro da panela, entornei o pote de arroz quase todo no chão... E depois que eu e Juliano rimos bastante do transtorno do almoço, eu compensei com esse pavê divino.
Não é exagero, ele ficou de babar!

Ingredientes

1 pacote de biscoito champanhe sem glúten
Guaraná

Para o creme branco: 
1 lata de leite condensado 
2 latas de leite (a mesma medida da lata do leite condensado)
3 gemas 
2 colheres de sopa rasas de amido de milho
1 colher de chá de essência de baunilha 
1 caixa de morangos

Para o creme de chocolate:
2 barras de chocolate sem glúten meio amargo
1 lata de creme de leite
 
 Para a cobertura:
 3 claras em neve 
1 lata de creme de leite 
3 colheres de sopa de açúcar 
1 caixa de morango
 
Modo de Preparo 

Creme Branco:
Misture o leite condensado, o leite, as gemas, o amido de milho e a essência de baunilha, e leve ao fogo para engrossar.
Reserve e deixe esfriar.
Depois de frio, misture os morangos picados ao creme e coloque em um refratário.
 
Molhe os biscoitos no guaraná, rapidamente, sem encharcar e coloque sobre o creme.
 
Creme de Chocolate:
Derreta as barras de chocolate picadas em banho-maria ou no microondas (saiba como).
Mexa até formar um creme e acrescente o creme de leite. Misture com uma espátula até ficar homogêneo. Coloque por cima dos biscoitos, no refratário.
 
Cobertura:
Bata as claras em neve e acrescente o açúcar. Bata bem.
Retire da batedeira e acrescente o creme de leite sem soro, mexendo delicadamente.
Coloque sobre o creme de chocolate.

Decore com morangos e leve à geladeira.
 
Algumas dicas sobre o meu pavê:
1- Eu não tinha guaraná, então, molhei os biscoitos com leite e achocolatado. Não molhei muito, com medo de encharcar, mas o biscoito da Schär é muito fofinho e ficou ótimo.
2- O creme branco fica bem molinho, caso você prefira mais consistente, coloque mais amido de milho.
3- É legal peneirar as gemas pra tirar aquela pelinha. Dizem que é a pelinha que deixa com cheiro de ovo.
 4- Eu não tinha duas barras de chocolate sem glúten, mas tinha uma barra pequena que minha irmã trouxe do Uruguai e um ovo de Páscoa da Cacau Show. Entrou tudo na dança! Cuidado na hora de derreter no microondas, pois eu quase queimei. Siga as dicas do link que eu coloquei acima, caso você também não tenha experiência com isso.
5- Eu não ia colocar creme de chocolate, mas como foi um pedido do meu ilustre marido, eu acrescentei mais essa camada. Conclusão, deveria ter escolhido um refratário maior, porque o que eu usei, foi pequeno e a cobertura sobrou.
6- A receita original eu tirei daqui (clique).
 
A conclusão é que ficou uma MA-RA-VI-LHA, e que eu sempre fui boa nos doces, afinal, alguma coisa eu tinha que saber fazer direito...
O Juliano não é muito chegado a doce, mas devorou o pavê.
Já sei que minha irmã vai reclamar que eu não dei nem um pedaço pra ela, mas eu juro que não deu tempo!!
 
Façam para a sobremesa do fim-de-semana, vai ser um sucesso!
 
Prontinho!
Creme branco com morangos + biscoito.

Creme branco + biscoitos + creme de chocolate.

sexta-feira, 14 de junho de 2013

A vencedora do concurso e seu prêmio!

Apresento a todos, a vencedora do nosso concurso de culinária, Rejane Reis!
Aí está ela, como a própria disse, toda faceira com a caixa que o Dieta e Sabor enviou com os produtos da Schär. Esses pães e biscoitos são perfeitos! 
Para quem não sabe, a Rejane tem um livro de receitas excelente, que já indiquei em uma postagem anterior e você pode baixar gratuitamente! Não deixe de conferir e arriscar os primeiros passos na cozinha!
Parabéns, Rejane! Seu talento é indiscutível!
Obrigada a equipe Dieta e Sabor, sempre atenciosos!

Rejane, toda feliz com sua cesta!!
Olhem os produtos que ela recebeu! Huuum, tudo delícia!

segunda-feira, 10 de junho de 2013

A importância da Vitamina D

Ano passado fiz uma postagem sobre a minha deficiência de Vitamina D, pois, após realizar alguns exames, vi que estava com os níveis muito baixos, o que pode causar vários problemas, como por exemplo, a Osteoporose ou Osteopenia, que é comum em celíacos (clique para ver).
Na época, fiz uma pesquisa e encontrei informações super importantes e uns vídeos muito esclarecedores sobre essa vitamina para o organismo.
Hoje, passeando pelo Facebook, encontrei uma página que dá dicas, informações e apresenta novidades muito legais sobre a Vitamina D. Eles fizeram um quadro com ilustrações que explicam de uma forma bem simples sobre como ela atua e seus benefícios para o corpo humano.
Quem quiser acessar a página do Facebook,  é só clicar aqui!
É importante saber!

Boa noite!!
Boa semana a todos!

sábado, 8 de junho de 2013

Celíaco: torne-se um PAR!


Como sempre, o pessoal da Acelbra-RJ arrasando na informação!
Quem curte as redes sociais, pode acessar a página no Rio Sem Glúten no Facebook e ter notícias fresquinhas sobre o mundo gluten free.
Em breve, teremos um novo site da Acelbra-RJ.
Parabéns aos responsáveis por nos manter atualizados sobre o universo da Doença Celíaca, e, lógico, MUITO OBRIGADA!

sábado, 1 de junho de 2013

Vencedor do Concurso!

Iupiiii!!!
Depois de passar o dia todo contando e recontando os votos, já sei quem foi o vencedor!
Não foi fácil ler voto por voto e contar os votos válidos, pois, algumas pessoas votaram mais de uma vez ou votaram após o prazo (não estava de acordo com o regulamento) e eu precisei ter bastante atenção, porém, o cansaço foi gratificante, fiquei muito feliz com a participação de tanta gente legal e tanta manifestação de carinho. 
Agradeço aos participantes que enviaram suas receitas!
Agradeço aos que dispensaram um tempo do seu dia para prestigiar o concurso com seu voto!
Agradeço e peço desculpas às pessoas que tentaram votar e não conseguiram (vou tentar achar uma maneira mais fácil, se a configuração do Blogger permitir).
Agradeço ao Dieta e Sabor, que fez essa parceria comigo e irá enviar o prêmio!
Enfim...
Esse foi só o primeiro de muitos concursos, sorteios e coisas legais no Malu Com Seus Botões.
Voltem sempre para ficar por dentro do cotidiano de uma celíaca e de todas as novidades do mundo sem glúten.

Curiosos?

A vencedora do concurso do Dia do Celíaco é:

REJANE REIS, com 218 votos em seu CUPCAKE MIDNIGHT.
Como combinado, o Dieta e Sabor enviará a sua cesta com produtos da Schär. 

Parabéns, Rejane, vencedora do concurso!!

Quer saber quem também foi super bem votado?
Ivana Melo, com 176 votos, com a receita do Pão de Cachorro-Quente (autoria de Miriam Pereira). Parabéns, Ivana!

Parabéns a todos os participantes!


+

Malu Com Seus Botões

=

Parceria em prol da saúde!

sexta-feira, 31 de maio de 2013

Último dia da votação!

Hoje, 31/05, é o último dia do Mês dos Celíacos e, portanto, o último dia da votação das receitas do concurso. E aí, já votou na sua receita preferida??

Estou muito feliz com a repercussão, com tantos visitantes e com a participação dos "chefs" e seus pratos deliciosos! Acredito que desta forma, nosso objetivo está sendo cumprido, divulgar a Doença Celíaca e mostrar que podemos viver de forma saudável, com bom humor, sem abrir mão dos sabores e do prazer de comer. 

Amanhã, todos os votos que forem postados até o dia de hoje, às 23:59 horas, serão contados e divulgarei o vencedor do concurso, que será presenteado com uma cesta com 6 produtos da marca Schär, que o Dieta e Sabor irá enviar.

Obrigada, mais uma vez, pela sua participação!

Malu.

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Aberta a votação!

Leitores mais que queridos do MCSB!
Abaixo estão as receitas ma-ra-vi-lho-sas que nossos amigos enviaram com muito carinho!
Tem pra todo o gosto, doce ou salgada, para o lanche, para uma festa, para saborear com a família...
Qual você prefere? 
Agora é a sua vez de participar, leitor!

Role a página abaixo, até o final, e você verá 12 deliciosas receitas, numeradas do 1 ao 12, com o nome de seus respectivos donos.
Escolha uma das receitas e dê o seu voto. Escreva nos comentários (bem embaixo da postagem da receita que você escolheu): ESTA É MINHA RECEITA PREFERIDA!
Cada pessoa poderá votar uma vez!
Os comentários ficam com a data e o horário da postagem, portanto, se alguém votar em mais de uma receita, considerarei o primeiro voto!
Os donos das receitas também poderão dar o seu voto.

O dono da receita mais votada receberá em casa, em qualquer lugar do Brasil, uma cesta de produtos sem glúten da marca italiana Schär, que o Dieta e Sabor irá enviar. 

Agora, mãos à obra! Convoque toda a família, os amigos, os vizinhos, os colegas de trabalho... 
Enfim, comece a sua campanha pela eleição de sua receita!

No dia 1º de junho divulgarei o vencedor! Cruze os dedos!!

Deixo aqui o meu abraço especial aos amigos que enviaram suas receitas!
Obrigada pela participação e por nos ajudar a divulgar a Doença Celíaca, fazendo do mundo dos celíacos um lugar melhor para se viver!

Obrigada, Dieta e Sabor, pela parceria!

*Malu Ayello*


Receita número 1 - Cookies de chocolate e nozes, de Simone Kalbusch

Ingredientes:

- 2 ¼ de xícaras de Farinha * usei a FSG da Beladri, mas vai um pouco a mais, no final, até dar o ponto

- 1 colher de chá de bicarbonato de sódio

- 1 colher de chá de sal

- 1 xícara de manteiga * usei o equivalente em Gordura de Coco, pois tenho IL - de qualquer forma, sendo um ou outro, deixar à temperatura ambiente antes de fazer para ficar mais molinho.

- ¾ de xícara de açúcar

- ¾ de xícara de açúcar mascavo

- 1 colher de chá de essência de baunilha

- 2 ovos

- 1 xícara de gotas de chocolate meio amargo *usei barrinhas de Chocosoy dark e Chocolife 70% pois tenho IL, quem não tiver recomendo picar um chocolate gostoso pois as gotas não costumam ser tão gostosas

- 1 xícara de nozes picadas *se não quiser usar as nozes, use mais uma xícara de chocolate.


Modo de Fazer:

- Em uma vasilha misture a farinha, o bicarbonato de sódio e o sal

- Na batedeira, bata a manteiga (que deve estar mole), os açucares e a essência de baunilha até que forme um creme homogêneo * Ao usar Gordura de Coco em substituição à manteiga isso não vai acontecer, pois a gordura de coco fica mesmo dura. O jeito é, depois de tudo, meter a mão na massa e quebrar os pedacinhos maiores. Os demais, o fornos e encarrega em derreter!

- Um por um adicione os ovos à batedeira, batendo bem após cada adição

- Gradualmente una a mistura de farinha ao creme da batedeira, e ao fim adicione as nozes e o chocolate *Eu tive que meter a mão na massa depois disso, para dar o ponto certo, que é não grudar tanto assim, tive que ir adicionando mais farinha bem aos pouquinhos. Não chega a ficar uma massa que não grude, mas tem que ficar boa de trabalhar. Aproveite este momento para ir quebrando os pedaços maiores de gordura de coco.

- Ligue o forno a 180⁰C

- Como se estivesse enrolando brigadeiros, faça bolinhas e nas mãos, achate-as. Isto feito, coloque-as sobre a forma untada deixando um espaço de 3 cm entre uma e outra * se necessário, unte levemente as mãos de quando a quando para trabalhar melhor e/ou auxilie com uma colher. Há quem simplesmente retire um pouco da massa com uma colher e coloque sobre a forma, aí o cookie espalha, mas não sei se isso dá certo com a massa sem gluten...

- Asse de 9 a 11 minutos ou até que estejam dourados, espete com um palitinho se não tiver certeza. Eles ainda estarão moles mas não grudarão no palito.

- Retire-os ainda moles da forma com o auxilio de um garfo, zelando para não quebrarem.

- Deixe resfriar totalmente sobre uma grade. É no resfriamento que eles endurecem.


 A receita pode render até 60 cookies. Tempo: aproximadamente 1h.



Receita número 2 - Bolo Maluquinho, de Tania Lôrdello

Bolo Maluquinho:
Ingredientes
1 xic de farinha de arroz; 1 xic. de farinha de coco, 1 xic. de açúcar light; 150 gr de manteiga; 4 ovos; 1 CS de fermento, 200 ml de leite de coco, 50 gr coco ralado, 50 gr granulado de chocolate; 1 cx de Frutola Doce, passas a gosto.

Modo de preparo
Bata as claras em neve firme e reserve.
Bata na batedeira a manteiga com o açúcar e as gemas até que forme um creme, depois coloque as farinhas e o leite de coco, bata mais um pouco. Desligue a batedeira e acrescente os outros ingredientes, as claras misture delicadamente. Leve para assar num tabuleiro untado, em forno preaquecido, por aproximadamente 30minutos. Depois da assado coloque um calda de chocolate por cima(opcional).

Calda de Chocolate: 
7 CS de açúcar; 3 CS de chocolate; 2 CS de margarina e 2 CS de leite.
Leve tudo ao fogo até engrossar.




Receita número 3 - Torta de Maçã, de Carla Paludo


Torta de maçã da Carla
Massa
·         ¾ de tablete de manteiga sem sal resfriada
·         1 pitada de sal
·         1 ovo
·         1 ½ xícara de mistura fácil Sabor Vital
·         1 xícara de açúcar refinado
·         Água (se precisar)
Misturar todos os ingredientes até ficar uma mistura homogênea. Se preciso, acrescentar um pouquinho de água (pode ser feito no processador, mas eu faço à mão) e um pouco mais de farinha para que ela solte da mão (tem que ficar com consistência firme). Após, deixar a massa descansar por 30 minutos na geladeira. Enquanto isso, faz-se o recheio.

Recheio
·         6 maçãs (pode ser qualquer uma, eu uso a gala)
·         1 colher de sopa rasa de canela em pó
·         2 xícaras de açúcar
·         2 xícaras de água
Faça uma calda com a água e o açúcar, deixando ferver em fogo médio até ficar mais consistente. Descasque e corte as maçãs em tiras finas, colocando-as na calda que está no fogo. Deixe cozinhar as maçãs naquela calda por cerca de 15 minutos. Se a água secar, acrescente um pouco mais de água e açúcar, pois é importante ter um pouco de calda além da maçã. Acrescente a canela, deixe no fogo por mais 5 minutos e desligue.

Preparo
·         Em uma forma de 30cm redonda baixa, forre o fundo com a massa que estava descansando. O ideal é a espessura da massa na forma não ficar muito grossa.  O ideal ir abrindo com uma colher diretamente na forma. Após, acrescente o recheio e leve ao forno em fogo baixo (180oC) por cerca de 40 minutos. Você saberá que está pronto porque a massa passa a ficar com cor dourada.

Modo de servir
·         Corte em fatias ainda quente e sirva com bola de sorvete de creme (sorvete de creme da Kibon não tem glúten). Delícia!



Receita número 4 - Tarte Chiffon Austríaco, de Josy Gomez


4 ovos
1 xícara e meia de açúcar demerara
2 colheres de mel
5 colheres de óleo de milho
2 xícaras de farinha de amêndoas
1\2 xícara de cacau em pó ou chocolate do Padre
1\2 xícara de suco de laranja morno
1\2 xícara de fécula de batata
1\2 xícara de nozes picadas grosseiramente
1 colher de chá de bicarbonato de sódio
1 colher de sobremesa de fermento em pó.
1\2 colher de café de canela ( opcional  ,  eu não usei)

Para decoração:

20  metades de nozes
1 xícara de amêndoas inteiras
7 cerejas em calda.

Modo de fazer:

Bater os ovos, o açúcar e o mel em uma gemada bem fofa e esbranquiçada, mais ou menos 10 minutos.
Baixar na velocidade mínima e ir adicionando  delicadamente a farinha de amêndoas, a fécula e os líquidos misturando delicadamente para não perder o volume dos ovos e manter a cremosidade da massa.Por final adicionar o fermento, o bicarbonato e a canela se usar.
Forrar com a calda de brilho  a assadeira em formato de coração , decorar com as nozes , amêndoas e cerejas.
Levar ao forno por 45 minutos , temperatura de 180 graus.

Recheio:

4 colheres de chocolate do frade ou cacau em pó
5 colheres de açúcar demerara
1 colher de margarina Becel azul ou outra sem leite
1\2 xícara de leite vegetal
1 barra de chocolate sem glúten e sem leite ( mais ou menos 150 gramas)

Levar ao fogo e ir mexendo até virar um brigadeiro mais mole.

Calda de brilho:

2 colheres de margarina Becel azul ou outra sem leite
3\4 de açucar mascavo ou demerara
2 colheres de sopa de mel ou glucose de milho
gengibre ralado..uma pitadinha
canela em pó uma pitadinha ( eu não usei)

Levar ao fogo e deixar por 5 minutos para derreter o açúcar e dar uma leve caramelizada.Colocar na forma que irá assar o bolo..mas guardar um pouco para jogar por cima para deixar bem brilhante.

Montagem da tarte:

Retirar a tarte da assadeira com cuidado, cortar no meio , colocar o recheio de brigadeiro mole e por final com a outra metade decorada por cima jogar a calda de brilho para ficar mais brilhante e úmida. Caso a calda tenha endurecido, dar uma esquentadinha na chama do fogão e ela amolecerá.




Receita número 5 - Churros, de Eliane Beppler


Churros:

2 xícara (chá) de água
2 colheres (sobremesa) de manteiga
2 colheres (sobremesa) de açúcar
1 pitada de sal
2 xícaras (chá) de farinha preparada com uma colher (chá) de CMC
Óleo, o suficiente para fritar
Açúcar e canela a gosto

Churros: em uma panela, coloque a água, a manteiga, o açúcar, o sal e deixe ferver. Acrescente a farinha aos poucos e, sem parar de mexer, deixe cozinhar por cerca de 5 a 10 minutos até que a massa fique homogênea e solte do fundo da panela. Deixe esfriar. Coloque a massa em um saco de confeiteiro com um bico com ranhuras e molde no formato desejado. Se você não possui um saco de confeiteiro, modele o churros com as próprias mãos. Frite a massa no óleo quente até que fique dourado e crocante. Em seguida, retire o excesso de óleo e empane no açúcar com canela. Reserve.

Chocolate quente: em uma panela, coloque o leite, o amido de milho, o leite condensado e o chocolate em pó. Leve ao fogo, mexendo sempre, até que comece a engrossar. Sirva os churros com o acompanhamento desejado. Os recheios são a gosto, doce de leite ainda acho o melhor, como não tinha em casa usei ganache de chocolate meio amargo que ficou muito bom.






Receita número 6 - Pão de cachorro-quente, de Ivana Melo


Pão de cachorro quente sem glúten e sem lactose
Autora da receita: Miriam Nunes Vieira Pereira


Ingredientes:

1 copo de farinha de arroz (250 ml)
1/2 copo de fécula de batata
1/2 de polvilho doce
2 colheres de sopa de linhaça triturada
1 colher de sopa de fermento biológico seco
1 colher de sopa de psyllium em pó (pode ser comprado em capsulas ou em farmácias de manipulação)
1 colher de sobremesa de goma xantana
1 colher de chá de açúcar
1 colher de chá de sal
2 ovos pequenos
1 1/4 copo de água
1/4 copo de óleo

Modo de fazer:

Na batedeira colocar todos os secos e misturar bem. Acrescentar os líquidos e bater por 5 minutos. Modelar com duas colheres do tamanho desejado. Depois untar a mão e terminar de modelar. Tem que untar a mão a cada pão.

Deixar crescer - coloque uma bolinha da massa num copo de água - quando ela subir e boiar é a hora de levar o pão para assar.  Asse em forma untada e enfarinhada, em forno pré aquecido a 210 graus. Depois dos primeiros 10 minutos, reduzir a temperatura para 180 graus.


Receita número 7 - Pizza de forma, de Juliana Martins

Ingredientes:

  • ½ xícara (chá) de leite de soja 
  • 4 ovos. 
  • ¾ de xícara (chá) de óleo. 
  • 5 colheres (sopa) cheia de creme de arroz. 
  • 2 colheres (sopa) de amido de milho.
  • ½ colher (chá) de sal ou 1 colher (sopa) de queijo parmesão ralado 
  • 2 colheres (sopa) de fermento para bolo



Preparo:

  • Bata todos os ingredientes no liquidificador colocando por último o fermento.
  • Coloque a massa em uma fôrma untada e polvilhada com creme de arroz.
  • Asse por alguns minutos em forno médio pré-aquecido (130 graus) até a massa ficar firme (uns 10 minutos).
  • Cubra com o recheio de sua preferência.
  • Leve novamente ao forno até dourar.


Receita número 8 - Pizza com preparado para pão de queijo, de Ester Benatti

1 pacote de preparado para Pão de Queijo
1 ovo inteiro
1 colher, das de sopa, de água

Misture tudo numa vasilha e amasse bastante com as mãos até ficar homogêneo.Se precisar acrescente mais água aos pouquinhos para não ficar muito molenga.
Abra a massa entre dois plásticos com um rolo de madeira ou uma garrafa de vidro.
Coloque numa forma untada com azeite e espete com garfo.
Leve ao forno (pré- aquecido a 180°) por uns 10 a 15 minutos.

Retire e coloque o molho de tomate e o recheio de sua preferência.

Volte ao forno médio  por mais 15  ou 20 minutos.


Receita número 9 - Pizza Brotinho, de Natane Vieira


Usei: 
- massa para pizza sem glúten da beladri
- molho de tomate para pizza pronto
- queijo mussarela sem lactose
- calabresa
- manjericão
- tomate
- azeitona preta
- cebola
- alho torrado
- azeite

 - Na massa eu espalhei um pouco de molho de tomate, coloquei o queijo ralado, uma rodela de tomate, cebola a gosto, manjericão  alho torrado e azeitona preta.
Coloquei azeite no tabuleiro e por cima das pizzas já montadas, coloquei no forno pré-aquecido à 180° e deixei até as bordas das pizzas ficarem crocantes.



Receita número 10 - Quibe de Quinoa, de Suzy Mendes


INGREDIENTES:


- 400 gramas de quinoa em grãos- Vitalin
- 800 gramas de carne moída
- 1 xícara cheia de hortelã 
- 1 xícara rasa de manjericão (a gosto)
- 1 xícara cheia de cebolinha e salsa
- 1 cebola grande
- 4 dentes de alho (a gosto)
- pimenta a gosto
- Azeite
- Meio copo de água 
- Sal a gosto

MODO DE FAZER:

 Cozinhar 2 copos de quinoa com 4 copos de água e sal até secar totalmente.
 Espere a quinoa esfriar para acrescentar os ingredientes.

- Acrescentar a carne moída à quinoa e misturar bem.

 Bater no liquidificador:

- Hortelã, manjericão, cebola, alho, salsa e cebolinha, com 1/2 copo de água e 1/2 xícara de azeite.
- Misture bem esse "caldo verde" na massa da carne com a quinoa.
  Untar o pirex com azeite espalhar a metade da massa e colocar o recheio a gosto ( carne moída, tomate com orégano, azeitona, queijo e etc) e cobrir com o resto da massa.

Fica ótimo sem recheio tb.

Pincelar um pouco mais de azeite e levar ao forno por 45 minutos.


Receita número 11 - Pão Doce sem Glúten, de Jorge Rezende


600 gramas de farinha sem glúten

200 ml de leite

100 gramas de açúcar
3 OVOS
Um tablet de 15 gramas de fermento biológico
Gema pra pincelar e açúcar demerara para colocar por cima.

 Primeiro eu dissolvi o fermento em tablete em um pouquinho de água morna junto com um pouquinho de farinha, mistura tudo e deixa crescer , mas comigo não cresceu rsrs
Bati os ovos com leite e o açúcar e uma pitada de sal.... Bati a mão, aí, coloquei na batedeira junto com a farinha e misturou pra caramba, até ficar uma massa quase grossa, coloquei o fermento e misturei de novo... Em seguida, coloque numa forma untada, pincele com gema e polvilhe com açúcar demerara,, leve ao forno preaquecido, na menor temperatura por 15 minutos, em seguida por meia hora a 220 ....
Essa receita foi tirada de um livro de receita da minha mãe, com dicas do livro da Claudia Marcelino e dicas da Sandra Pereira, da receita dela quanto a assar....